Em Maputo: Cinco empresas recebem selo "Made In Mozambique"

Categoria : Economia
Sub-Categoria : nacional
Publicado no dia 2020-04-28 15:55:22


Em Maputo: Cinco empresas recebem selo "Made In Mozambique"

O Ministério da Indústria e Comércio concedeu o direito de uso do selo "Orgulho Moçambicano. Made In Mozambique" a um total de cinco empresas da província de Maputo, por elas utilizarem recursos nacionais nos processos de produção, e adoptarem uma cultura de qualidade, através da implantação de sistemas de gestão de qualidade.

Trata-se das empresas Afritubo-Tubos e Acessórios, Strides Pharma Mozambique, Prochem, Divina e C&C Neves, que se vão juntar às outras 59 certificadas com o selo "Made In Mozambique" ao nível daquela província.

Para o ministro da Indústria e Comércio, Carlos Mesquita, a atribuição do selo "Orgulho Moçambicano. Made In Mozambique" constitui um reconhecimento do Governo a estas empresas, por contribuírem para a valorização dos produtos e serviços nacionais e, igualmente, por estarem comprometidas com a melhoria contínua das práticas de negócio, uma vez que a elegibilidade deverá ser mantida por todo o período de validade da concessão da marca, que é de cinco anos.

"É louvável o passo dado pelas empresas, às quais apelamos a serem criativas e a esforçarem-se para que continuem a merecer a confiança e o carinho de todos os moçambicanos", disse Carlos Mesquita.

O governante instou às empresas distinguidas a tirarem proveito do crescimento do mercado nacional e das oportunidades de exportação resultantes das facilidades de circulação de pessoas e bens, bem como da liberalização do comércio.

Num outro desenvolvimento, o ministro da Indústria e Comércio desafiou as empresas nacionais, em particular as de pequena e média dimensão (PME), a apostarem na produção massiva de alimentos e produtos de higiene, optimizando o uso de recursos nacionais.

Por seu turno, a secretária de Estado da província de Maputo, Vitória Diogo, considerou, na ocasião, que a concessão do direito de uso do selo faz jus ao crescimento do tecido empresarial da província, não só em número mas também em qualidade.

"Este é um sinal objectivo de que, como província, estamos a contribuir para a criação, inovação e produção no País, assim como para a geração de renda e criação de mais postos de trabalho", enalteceu Vitória Diogo.

Intervindo em representação das empresas distinguidas, António das Neves sublinhou que o selo "Orgulho Moçambicano. Made In Mozambique" reconhece o contributo do tecido empresarial nacional para o desenvolvimento do País, devendo, por isso, significar uma mais-valia efectiva para os seus detentores.

"O selo deve constituir um instrumento de promoção de negócios sustentáveis, que satisfaça às expectativas do consumidor e que contribua para o crescimento da produção nacional e desenvolvimento económico e social do País", concluiu.

Temperatura em Moçambique

Revista Idolo

INNOQ e CBS ligados pela certificação de qualidade O Instituto Nacional de Normalização e Qualidade (INNOQ) e a Corporate Business School - Escola Superior de Gestão Corporativa e Social acabam de juntar sinergias através da assinatura de um memorando de entendimento, visando dar pulso e maior dinâmica a economia nacional, com a implementação do processo de certificação de pequenas e médias empresas.

Renault Moçambique | Carros Novos e Usados, Após-venda e Peças

Descubra a gama de automóveis e serviços da Renault em Moçambique. Visite-nos se está a pensar comprar um carro, novo ou usado!


A BOLA - Homepage

A BOLA, toda a informação desportiva. Acompanhe todas as notícias do seu clube ou modalidade preferida, para onde quer que vá.


Home PT - Bolsa de Valores de Mocambique

Bolsa de Valores de Mocambique

Pesquisar
Leave a Comment: